By entering you accept the use of cookies to enhance your user experience and collect information on the use of the website. To find out more

Your message has been sent.

We thank you for your contact and will reply to your request as soon as possible.

The Breakers Palm Beach

Voltar à lista

INFORMAÇÕES

The Breakers Palm Beach

One South County Road
Palm Beach

http://www.thebreakers.com

GREGORIO REVERA



Advanced Sommelier

Pode contar-nos uma história ou um episódio divertido e conhecido sobre este local e aquilo que o torna único ?

Henry Morrison Flagler, um barão do petróleo dos finais do passado século dezanove, construiu o "The Royal Poinciana" em 1894 como um "resort" para os ricos e famosos. A estrutura original localizava-se na ilha de Palm Beach, ao lado do Lago Worth. Em 1896, Flagler construiu uma propriedade menor junto ao Oceano Atlântico, para acomodar o excesso de hóspedes vindos do nordeste; ele chamou à nova propriedade "The Palm Beach Inn". Em 1901, como cada vez mais hóspedes começavam a pedir quartos “junto aos recifes”, Flagler mudou o nome da estalagem para "The Breakers". O hotel foi devastado pelo fogo duas vezes, primeiro em 1903 e novamente em 1925. Como tributo a Henry Flagler, os herdeiros de "The Flagler" reconstruíram o atual "Breakers", um dos melhores "resorts" do mundo, por um custo de 7 milhões de dólares. O fato espantoso acerca do projeto foi que, desde o início até ao "check-in" do primeiro hóspede em 29 de dezembro de 1926, a construção de "The Breakers" ficou concluída num tempo recorde de 11,5 meses, apesar de um furacão em 1926. Até hoje, o "The Breakers" é elogiado como sendo um dos mais magníficos feitos a nível arquitetônico e artístico de sua época.

Se este local fosse uma canção, qual seria ?

A elegância, opulência e tranquilidade de "The Breakers" fazem-me sempre lembrar o Concerto para Piano nº 21 de Wolfgang Amadeus Mozart, mais conhecido como o tema de Elvira Madigan.

Como é que você se tornou tão apaixonado por vinhos e bebidas alcoólicas ?

Enquanto servia no Exército dos Estados Unidos, comecei a provar vinhos e a apreciar o esforço feito por detrás das bebidas. À medida que minha fruição ia aumentando, a minha sede por saber como era feito, por quem e a partir de onde continuou a impelir-me para a descoberta do segredo do vinho. Descobrir os vinhos e as bebidas alcoólicas e dominar os temas constitui uma procura infindável que eu adoro. Continua a fascinar-me o fato de os produtos serem ofertas vivas e em evolução da natureza.

Como e quando é que você descobriu o LOUIS XIII ?

Eu descobri o Louis XIII durante meu primeiro ano trabalhando no restaurante "L’Escalier" em 2009. Já tinha lido sobre o Louis XIII, mas nunca tinha tido oportunidade de prová-lo ou compreender com exatidão a magnificência desta bebida maravilhosa. A minha supervisora na altura, Virginia Philip MS, organizou uma sessão de degustação dos conhaques da Remy-Martin que culminou com uma pequena amostra do Louis XIII. No primeiro segundo em que saboreei o Louis XIII, eu soube que estava provando a perfeição numa garrafa.

O que você diria sobre o LOUIS XIII a alguém que nunca o provou ?

Posso afirmar com convicção que o Louis XIII é a bebida mais requintada e histórica do mundo. A seleção cuidadosa e meticulosa das melhores aguardentes usadas na sua produção das melhores denominações de Cognac não tem igual; a paciência de seu longo envelhecimento é excepcional; os seus aromas seduzirão a mente, enquanto que os sabores suaves mimarão o palato, ao passo que a sua complexidade encantará aqueles com sorte suficiente para o saborearem. Beber o Louis XIII é uma experiência sublime.

Qual é o seu maior sonho na vida ?

Tornar-me um Mestre dos Vinhos ou um Sommelier Mestre e usar os conhecimentos e experiências adquiridos para educar os consumidores e os estudantes de vinho para conhecerem melhor os vinhos e as bebidas alcoólicas, passando, desta forma, o testemunho para a geração seguinte de profissionais do meu ofício.

Gregorio Revera

Enquanto Sommelier Mestre do restaurante "The Flagler Steakhouse" no "The Breakers Palm Beach", Greg Rivera gerencia o programa de bebidas do restaurante e apoia o extensivo programa de treino dos funcionários, realizando cursos sobre vinhos e sendo o mentor de seus associados. Ele é um dos quatro sommeliers da talentosa equipe de "The Breakers" e adora partilhar com os hóspedes e membros da equipe os conhecimentos apaixonados sobre o vinho.

Rivera se juntou a "The Breakers Palm Beach" em 2009, para trabalhar ao lado de dois Sommeliers Mestres de renome internacional, Virginia Philip e Juan Gomez, no requintado restaurante do "resort" previamente premiado. Antes de entrar na profissão vinícola, Rivera foi oficial do exército e executivo. Quando colecionava vinhos como passatempo e realizava cursos básicos, ele foi mordido pelo “bichinho do vinho” e decidiu mudar de carreira para ir atrás da sua paixão. Ele começou trabalhando para um importador e distribuidor de vinhos em 2005. Um ano depois, ele recebeu as suas credenciais de Sommelier Certificado do Tribunal de Sommeliers Mestres e passou no teste de Especialista Certificado em Vinhos. Enquanto estudava no programa "Imersão Profissional em Vinho Básica e Avançada" do Instituto Culinário da America-Greystone de 2008 a 2009, ele obteve a certificação Especialista Avançado Certificado em Vinhos do programa. Em 2011, ele recebeu a sua certificação Sommelier Avançado do Tribunal de Sommeliers Mestres.

Entre os seus muitos prêmios, Rivera ganhou a 1.ª Competição Ruinart Chardonnay para a região sudeste em 2010, tendo ganho uma viagem a França. Em 2012, ele foi o único sommelier a passar num teste de certificação avançada criado pela BARSMART, uma certificação online de barman e um programa deformação. Como membro da Sociedade de Educadores do Vinho e do Tribunal de Sommeliers Mestres, Rivera foi juiz em diversas competições de vinho, participou em vários painéis no sul da Flórida e organizou seminários para a Associação de Viticultores de Napa Valley.

Natural de Santurce, Porto Rico, Rivera reside em Boca Raton, Flórida, com sua mulher Kristin.