By entering you accept the use of cookies to enhance your user experience and collect information on the use of the website. To find out more

Your message has been sent.

We thank you for your contact and will reply to your request as soon as possible.

SIR WINSTON CHURCHILL'S

Voltar à lista

INFORMAÇÕES

Sir Winston Churchill's

Blvd Manuel Ávila Camacho # 67, Colonia Palmas Polanco

11560, Mexico City

Mexico

http://www.winstonchurchills.com

Jane & Britania Pearson de Fernandez


BRITANIA PEARSON DE FERNANDEZ
Managing Director & Assistant Manager

Pode contar-nos uma história ou um facto famoso sobre este local que o torna único?

Sir Winston Churchill é um local único no sentido em que cria uma experiência de elegância e requinte tão naturalmente refletidos no estilo de vida britânico. O povo inglês sempre apreciou o melhor e, por essa razão, valoriza bastante os mais refinados vinhos e bebidas espirituosas franceses, assim como a cozinha internacional. O Churchill é uma mansão de campo inglesa inesperadamente erguida no coração da Cidade do México.

A quantidade abundante de ouro e prata extraídos no México desde 1550 deu origem à Moeda de Comércio Global durante 300 anos, trazendo especiarias, cores e artigos exóticos das Filipinas e enviados até Acapulco e via Veracruz até pontos longínquos como a Europa e o Egito. Por conseguinte, o México fornece, historicamente, uma clientela sofisticada que aprecia a tradição e que, em simultâneo, está recetiva a novas experiências e pessoas diferentes.

No México, devido aos Mineiros da Cornualha, a Cozinha da Cornualha já era popular e na abertura do Churchill a costela assada foi imediatamente aceite juntamente com o Yorkshire Pudding, o Beef Wellington, as salsichas de Cambridge e outras especialidades!

O Churchill foi construído como uma casa privada inspirada numa propriedade situada em Surrey, nos arredores de Londres. Tornou-se num restaurante em 1972 e desde essa data tem mantido uma posição única na cozinha de requinte do México. Os ricos painéis de mogno e a decoração subtil são, por si só, uma obra de arte, e os seus 44 anos de sucesso devem-se a uma equipa dedicada de pessoas que conhecem os clientes e servem comida deliciosa a par de um serviço acolhedor, atento e cuidado.

Se este lugar fosse uma canção, qual seria?

Se o Churchill fosse uma canção, seria o clássico intemporal de Louis Armstrong, "What a wonderful World":

I see trees of green, red roses, too,

I see them bloom, for me and you

And I think to myself…

WHAT A WONDERFUL WORLD.

Uma canção de gratidão profunda!

Como se tornou tão apaixonada por vinhos e bebidas espirituosas?

A minha paixão e apreço por vinhos e bebidas espirituosas tem vindo a desenvolver-se ao longo dos meus anos de trabalho no Sir Winston Churchill's. Tive o privilégio de provar vinhos das melhores vinhas e aprender com sommeliers experientes e embaixadores como Rodolphe de Lapeyrouse do LOUIS XIII Cognac, no México.

Mas a minha maior inspiração, devo confessar, foi conhecer os vinhos através dos próprios produtores. Transmitem a fé e a dedicação necessárias para trabalhar nas vinhas, cultivando e tratando as uvas, lutando contra as incertezas do clima e criando harmonia com os mistérios da natureza, a fim de obter as características únicas dos seus vinhos e bebidas espirituosas, tal como notas numa composição musical.

Muitas destas vinhas estão nas respetivas famílias há várias gerações e os produtores tornaram-se nos guardiões responsáveis por uma longa tradição que remonta ao começo da própria humanidade.

Como e quando descobriu LOUIS XIII pela primeira vez?

Como proprietários de um restaurante, os meus pais levavam-nos todos os verões até França para conhecer e experimentar em primeira mão os melhores pratos de cozinha e o estilo de vida que apreciavam profundamente.

Tenho uma memória nítida do meu pai nos jardins de um bonito Chateau no Vale do Loire, a fumar um charuto cubano e a bebericar um requintado elixir servido de uma garrafa que brilhava como uma joia sob o sol quente da tarde. Era mágico!

Anos mais tarde, descobri que esta Joia era um decanter de cristal soprado à mão que continha a escolha inspirada de "eaux de vie" misturada durante mais anos que a minha idade e envelhecida em antigos cascos de carvalho, o LOUIS XIII de Rémy Martin Grande Champagne Cognac.

O que diria sobre o LOUIS XIII a alguém que nunca o experimentou?

Mostraria os misteriosos meandros da sua paleta. Evocaria a sua curiosidade e imaginação segurando um copo de cristal com o líquido âmbar, a uma curta distância, para que pudessem detetar o primeiro odor. Conseguem distinguir as flores de jasmim e madressilva? Aproximando o copo, lançaria o desafio de cheirarem como se se tratasse de um vinho delicado, com o perfume da ameixa, do figo, da noz, da avelã e da noz-moscada.

Ainda mais de perto, conseguem perceber os aromas de baunilha, mel, especiarias e carvalho?

Bastaria uma pequena gota no palato para sentirem a suavidade e harmonia dos sabores eletrizantes. Seriam apanhados de surpresa pela sensação de beberem o próprio tempo! Um Conhaque misturado a partir de 1200 "eaux de vie", tendo a mais nova, no mínimo, 40 anos, envelhecido em antigos cascos de carvalho. Viveriam a experiência única de "PROVAR HISTÓRIA"!!

Qual é o seu maior sonho na vida?

O meu maior sonho talvez seja que as futuras gerações de filhos e netos possam dar continuidade a esta vida/trabalho, mas se apenas se essa for a sua verdadeira paixão, e não apenas uma tradição sem sentido.

No entanto, entre o milagre da conceção e a inevitabilidade da morte, existe o mistério das nossas vidas.

Não quero SONHAR…………………… VIDA - QUERO VIVÊ-LA AGORA!!!

BRITANIA FERNÁNDEZ PEARSON

Estudou Design de Interiores na Inchbald School of Design em Londres e especializou-se em História da Arte.

Tem uma carreira em design de joias e é uma gemóloga acreditada pelo Gemological Institute of America .

Atualmente, é diretora-adjunta no negócio de família Sir Winston Churchill´s Mexico City, tendo-se especializado na organização de eventos especiais e na área de vinhos e bebidas espirituosas.